Fale Saúde » Remédios » Remédios para vermes intestinais

Remédios para vermes intestinais

Os remédios para vermes são conhecidos como anti-helmínticos, nome dado a classe de medicamentos por eles combaterem os helmintos (vermes parasitas), que costumam infectar o trato gastrointestinal ou habitar órgãos como fígado, vasos sanguíneos, pulmão e cérebro.  

A contaminação pelos vermes acontece através do contato com o agente, por meio da ingestão de água ou alimentos contaminados ou por feridas na pele. A falta de saneamento básico e de hábitos de higiene são fatores que aumentam a chance de contrair a doença. 

Para populações que vivem em áreas de maior prevalência de parasitoses, a Organização Mundial da Saúde (OMS) indica o tratamento periódico com remédios para vermes. O grupo de risco inclui tanto as crianças até 14 anos de idade quanto trabalhadores de locais mais afetados, como mineradores e agricultores.  

remédios para vermes

Principais doenças causadas por vermes 

As principais doenças causadas por helmintos que afetam a saúde humana são: 

  • esquistossomose; 
  • ascaridíase; 
  • teníase/cisticercose; 
  • ancilostomose (popularmente chamada de amarelão); 
  • enterobíase (oxiuríase). 

Sintomas das verminoses 

dor na barriga causada por verme

Os principais sintomas das doenças causados por vermes são: 

- PUBLICIDADE -
  • perda de apetite; 
  • perda de peso; 
  • dor estomacal; 
  • diarreia e gases intestinais, com distensão abdominal; 
  • coceira (prurido) ao redor do reto ou outras partes do corpo; 
  • erupções cutâneas ou outras irritações da pele, essencialmente no ânus; 
  • fadiga; 
  • anemia por deficiência de ferro; 

Os quadros mais graves e específicos ocorrem em pessoas que foram contaminadas com uma maior carga parasitária, em imunodeprimidos e pacientes desnutridos.  

Diagnóstico e os remédios para vermes

Esquistossomose 

Diagnóstico: pode ser feito pelo exame das fezes ou ainda pela biópsia retal quando o exame de fezes for repetidamente negativo, apesar de o paciente ter sintomas compatíveis com a doença. 

Tratamento

  • Praziquantel 40 a 60 mg/kg para adultos e 40 mg/kg para crianças, em dose única. 

Os efeitos colaterais são: náuseas, vômitos, tonturas, dor abdominal, cefaleia ou urticária. Se houver suspeita de neurocisticercose, deve-se associar corticoide para evitar o edema cerebral em consequência da resposta inflamatória causada pelo tratamento com o praziquantel. 

Ascaridíase (lombriga) 

Diagnóstico: a fêmea do parasita elimina até 200.000 ovos por dia, o que facilita o diagnóstico em qualquer amostra de fezes. 

- PUBLICIDADE -

Tratamento:  

  • Levamizol na dose de 150 mg, comprimido tomado em dose única para adultos.

ou 

  • Levamizol na dose de 80 mg, comprimido tomado em dose única para crianças.

Essa é a droga preferencial, pois o mecanismo de funcionamento dela impede complicações decorrentes da migração dos vermes para outras áreas do corpo. 

Como alternativa, podem ser usados: 

  • Albendazol na dose de 400 mg, comprimido tomado em dose única. 

ou 

- PUBLICIDADE -
  • Mebendazol na dose de 500 mg, comprimido tomado em dose única. 

ou 

  • Ivermectina na dose de 0,2 mg/kg de peso, comprimido tomado em dose única. 

Teníase / cisticercose 

Diagnóstico: aqui é importante saber se o verme causador da doença é a Taenia solium ou a Taenia saginata, pois a infecção por Taenia solium tem risco de desenvolver neurocisticercose, que é uma doença grave do sistema nervoso (cérebro). A distinção se faz peneirando as fezes em busca dos proglotes (pedacinhos) dos vermes, o que os diferencia. 

Tratamento

  • Praziquantel na dose de 10 mg/kg de peso, comprimido tomado em dose única. 

Ou 

  • Niclosamida nas doses de 2 g para adultos de 1 g para crianças, comprimido em dose única. 

O controle da cura deve ser feito 90 dias após o tratamento. 

- PUBLICIDADE -

Ancilostomose (amarelão, opilação ou doença do Jeca Tatu) 

Diagnóstico: é facilmente determinado pelo exame de fezes. Os ovos desses vermes flutuam e podem ser detectado pelo método de Willis. 

Tratamento:  

  • Albendazol na dose de 400 mg, comprimido tomado em dose única. 

ou 

  • Mebendazol na dose de 500 mg, comprimido tomado em dose única.  

Após o término do tratamento, deve-se realizar um novo exame de fezes após 7 dias para controle da cura.  

Enterobíase (oxiuríase ou caseira) 

Diagnóstico: o verme não elimina os ovos nas fezes, mas os deposita na região ao redor do ânus. Por isso, o diagnóstico é feito colocando uma fita adesiva transparente na mucosa anal, e depois sua leitura é feita em um microscópio, onde os ovos poderão ser vistos. 

- PUBLICIDADE -

Tratamento: 

  • Mebendazol na dose de 100mg, comprimido tomado em dose única. 

Ou 

  • Albendazol na dose de 400 mg, comprimido tomado em dose única. 

Gestantes podem usar o pamoato de pirvínio, 10mg/kg de peso em dose única, pois essa droga não é absorvida. 

Lembrete importante sobre os remédios para vermes: 

Cada um desses remédios para vermes deve ser administrado sob orientação médica. Só um especialista saberá te indicar o medicamento adequado para o tipo de verminose, a dose adequada a seu corpo e a duração do tratamento. 

REVISADO CLINICAMENTE POR DR. FERNANDO PEREIRA
Fontes consultadas:
[1] Parasitoses intestinais – Tratado de Clínica Médica 3ª ed.
[2] LiverTox

- PUBLICIDADE -
+ artigos

Estudante de jornalismo da Faculdade Cásper Líbero, ama escrever sobre saúde e tem interesse especial por psicologia. Colabora com o Fale Saúde na revisão e criação de conteúdo juntamente com a equipe de médicos editores.

Médico - CRM/SP 157.767 | + artigos

Médico formado pela Santa Casa de São Paulo desde 2012, possui mais de 7 anos de experiência. Especialista em anestesiologia pela Santa Casa de S.J. Rio Preto, com Título de Especialista em Anestesiologia pela Associação Médica Brasileira (AMB) e Sociedade Brasileira de Anestesiologia (SBA) - RQE 65.029.


APRENDA MAIS