Fale Saúde » Ossos, articulações e músculos » Neuropatia compressiva: saiba o que é

Neuropatia compressiva: saiba o que é

Autor(a): Dr. Mauro Choi

Revisado:

A neuropatia compressiva é uma condição que afeta o sistema nervoso periférico, causando uma série de sintomas ao paciente e prejudicando a sua qualidade de vida.

Também conhecida como síndrome compressiva, essa condição pode afetar os membros inferiores, porém é mais comum que ela ocorra no túnel do carpo, que fica localizado no punho, ou no túnel cubital – localizado no cotovelo.

— PUBLICIDADE —

Entenda a neuropatia compressiva

O sistema nervoso periférico é uma das divisões do sistema nervoso central. Ele liga o cérebro e a medula espinhal aos outros órgãos, por meio dos nervos e dos gânglios nervosos.

A função do sistema nervoso periférico é transmitir informações para o restante do corpo. Porém, alguns danos podem ocorrer nesse sistema, como a neuropatia compressiva. Quando isso ocorre, os nervos perdem a sua capacidade de transmitir e receber mensagens.

O que acontece nesses casos é que algum fator – muitas vezes idiopático, ou seja, que se manifesta naturalmente ou a partir de motivos desconhecidos – causa uma pressão sobre o nervo, desencadeando sintomas, como dores, fraqueza muscular, dormência e formigamento.

Como dito acima, o túnel do carpo e o túnel cubital são alguns dos mais afetados pela síndrome compressiva e não é por acaso, afinal as articulações costumam ser as regiões mais atingidas por esse problema, que também pode ocorrer em virtude de um trauma, cistos ou esporões ósseos.

Frequência

A síndrome do túnel do carpo é a neuropatia compressiva mais frequente. A compressão do nervo mediano ocorre na região do punho chamada de túnel do carpo. Os sintomas mais comuns são formigamento (parestesia), perda de sensibilidade nos dedos polegar, indicador e anelar.

A segunda neuropatia compressiva mais frequente é a síndrome do túnel cubital. Os sintomas são formigamento e perda da sensibilidade no dedo anelar e mínimo.

— PUBLICIDADE —

As neuropatias compressivas têm cura?

Além de causar dor e outros tipos de incômodos, as neuropatias compressivas prejudicam a qualidade de vida do paciente e pode até causar outros tipos de problemas, como ansiedade, por exemplo. Porém, a boa notícia é que é essa condição tem cura.

Fazendo um acompanhamento médico e seguindo o tratamento indicado, é possível se recuperar completamente da neuropatia compressiva sem qualquer tipo de sequela. Por isso, o recomendado é, diante de qualquer sinal suspeito, buscar a ajuda de um especialista o quanto antes, a fim de ter uma recuperação mais ágil e de evitar o avanço da doença. 

Referências
[1] Carpal tunnel syndrome – BMJ
[2] Síndrome do túnel do carpo – RBO

Receba nossa newsletter

Cuide de si com dicas de alimentação, saúde e muito mais!

Sucesso! Seu e-mail foi cadastrado, e agora você já pode receber novidades do Fale Saúde!

Desculpe! Um erro aconteceu.

— PUBLICIDADE —

APRENDA MAIS

Quem SomosContatoMissãoPrivacidadeTermos
Siga-nos: PinterestInstagramFacebookTwitter
© 2022 - Fale Saúde

Aviso médico: as informações fornecidas neste site visam melhorar, não substituir, a relação direta entre o paciente e os profissionais de saúde.